Mundo
Postada por:  Assessoria de Comunicação,  em  12/05/2015 às 10h33
Link:
Nova teoria sobre morte de Bin Laden causa polêmica nos EUA
Jornalista Seymour Hersh afirma que a morte de Bin Laden não foi alvo de uma operação arriscada e secreta, mas da cooperação entre militares americanos e paquistaneses

12/05/2015 às 10h33

Acusações feitas pelo jornalista americano Seymour Hersh de que os Estados Unidos teriam mentido sobre a operação que matou Osama Bin Laden, líder do grupo extremista Al-Qaeda, há quatro anos, geraram forte reação da Casa Branca e da imprensa do país, que apontaram inconsistências em seu relato.

Ganhador do Pulitzer de 1970, o mais importante prêmio jornalístico dos Estados Unidos, Hersh afirma que a morte de Bin Laden não foi alvo de uma operação arriscada e secreta, mas da cooperação entre militares americanos e paquistaneses.

"A história contada pela Casa Branca poderia ter sido escrita por Lewis Carroll", escreveu Hersh em artigo publicado no periódico London Review of Books, em referência ao autor de Alice no País das Maravilhas (1865).

Na versão de Hersh, o líder terrorista não teria sido encontrado depois de uma série de interrogatórios e investigações envolvendo seu mensageiro, mas com a ajuda do Paquistão, que o estaria mantendo sob sua custódia há cinco anos com a ajuda financeira da Arábia Saudita em um complexo na cidade de Abbottabad, no norte do Paquistão.

O ataque teria sido autorizado por oficiais paquistaneses de alto escalão depois que os Estados Unidos descobriram onde Bin Laden estava por meio de uma fonte na Inteligência do Paquistão.

Um acordo teria sido fechado para que os americanos operassem na área para confirmar por meio de amostras de DNA que se tratava de fato de Bin Laden. As únicos balas disparadas naquela noite teriam sido as que mataram o ex-líder da Al-Qaeda. Assim, segundo a versão de Hersh, ele teria sido assassinado friamente em vez de ter sido atingido em meio à invasão do local onde se encontrava.

Em troca, os Estados Unidos apoiariam financeiramente os serviços de Inteligência paquistaneses. Como parte deste acordo, os Estados Unidos adiariam o anúncio da morte de Bin Laden por uma semana e diriam que ele teria sido morto por um ataque com drone no Afeganistão.

No entanto, Obama teria descumprido esta última parte depois de saber que um dos helicópteros americanos caiu, o que teria feito a Casa Branca temer que a história viesse a público de qualquer forma.









07/12/2017
Henrique Alves é denunciado por lavagem de dinheiro nas obras do Porto Mara...
05/10/2017
Nem cabelo, nem carisma: sucesso de Wesley Safadão está em rede estruturada...
05/10/2017
Polícia de Dona Euzébia apreende em Rio Pomba caminhonete clonada
03/08/2017
Trecho da BR-265 é liberado após protesto de caminhoneiros em Barroso
02/08/2017
Manifestantes bloqueiam vias de São Paulo em dia de votação da denúncia con...

 
RÁDIO GUARANI FM - 105,9
Rua Joaquim Correia Dias, 212, Bela Vista - Guarani - MG
Fixo: 32 3575-1726        Vivo: 32 998222311
 

 Online Agora:

  23

 Visitas:

  1659284